25/09/18 Os perigos da cinomose

Aprenda a proteger seu animal de estimação

A cinomose é uma doença muito grave que atinge os animais de diversas espécies. É um vírus de distribuição mundial que pode causar um processo infeccioso agudo e levar a morte. O problema acomete os animais não vacinados, de qualquer idade, raça e sexo, mas principalmente os filhotes, entre dois e três meses de vida, período em que o sistema imunológico se encontra ainda muito frágil, e gradativamente a imunidade transmitida pela mãe começa a cair.
"É importante que ao identificar os sintomas o tutor procure por orientação de um especialista, com o intuito de que a recuperação aconteça de forma rápida, para que o seu cachorro volte a ter a qualidade de vida que merece", afirma a médica veterinária Carinne Liessi Brunato.

Como ocorre a transmissão?
Por ser um vírus pode se espalhar pelo ar, por via respiratória e por meio de gotículas infectantes das excreções e secreções de animais infectados. Nem sempre os animais com a infecção apresentam sintomas, por isso, o número de animais infectados é muito maior dos que os que apresentam algum sinal clínico.
Animais acometidos pela cinomose eliminam partículas virais a partir do 5º dia após a infecção. Os cães podem transmitir o vírus antes de apresentar sintomas e continuar eliminando por 60 a 90 dias.

Sintomas
Secreções nasais e oculares, tosse úmida e produtiva, dificuldade respiratória, vômitos, broncopneumonia, perda de apetite e diarreia. Em estágio mais avançado em que atinge o sistema nervoso central, começam a aparecer alterações neurológicas como convulsões, paralisia dos membros pélvicos, incoordenação motora, tremores e outras alterações.

Diagnóstico
Em geral é feito com base no exame físico, histórico do animal e exames laboratoriais. Os principais exames para pesquisa do vírus são feitos em amostras biológicas como sangue, urina, saliva, secreções nasal e ocular. Os principais métodos realizados são o ELISA (Enzime Linked Immuno Sorbent Assay), testes rápidos baseados em imunoenzimáticos, imunofluorescência e PCR.

Tratamento
A cinomose é uma enfermidade difícil de ser erradicada e para minimizar os casos é importante a conscientização dos cuidadores para que vacinem seus animais de estimação, controlando o acesso de animais a rua, higienizando corretamente ambientes com animais infectados pelo vírus e buscando informações sobre o combate à doença.
Prevenção sem dúvida é o melhor remédio. Manter a carteirinha de vacinação do bichinho em ordem vai garantir sua saúde. Em caso de infecção, não há um cuidado específico e, em geral é feito um tratamento sintomático e de suporte para que a imunidade desses animais seja reestabelecida.
Existem testes laboratoriais que foram projetados para determinar os níveis de anticorpos para cinomose e outras doenças, tendo como objetivo avaliar o estado de imunidade dos animais sobre esse patógeno.
É importante ter em mente que, sempre que você notar qualquer alteração de comportamento ou saúde do seu bichinho é imprescindível comunicar o veterinário para um diagnóstico preciso.
 


Assine nossa Newsletter



























A Absoluta é uma revista com a qual aprendo muito! Adoro, sobretudo, as matérias de moda, que me auxiliam na produção de novos looks! Parabéns Betty e toda equipe! A Absoluta é absoluta em todos os sentidos!
Emmanuelle Alkmin, Secretária Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida de Campinas

No momento em que Absoluta completa a 100ª edição, transmito minha mensagem de saudação e cumprimentos a Betty Abrahão e a sua dinâmica e qualificada  equipe, que souberam fazer da revista um instrumento agradável de informação, cultura e entretenimento. Um ponto de encontro no desencontro do dia-a-dia, pois como dizia Vinícius, “A vida é a arte do encontro, embora existam tantos desencontros pela vida”. Absoluta, no agitado dia-a-dia de nossos tempos, acabou se transformando em um interlocutor inteligente e sensível, trazendo à sociedade da região metropolitana de Campinas, tudo o que acontece de relevante nas multifacetadas áreas do conhecimento humano e da produção científica. Arte, cultura, lazer, política, moda, gastronomia, viagens, saúde, se conectam para fazer da revista um campo fértil de diversidade, como plural é, ou deve ser, a vida da gente.  Essa conexão tem, contudo uma marca que a distingue de todas as outras revistas e assinala a sua autenticidade como veículo de comunicação. O toque de humanismo e delicadeza que se sente no seu folhear, no perpassar de suas entrevistas e reportagens e especialmente no respeito à memória, quando Betty reproduz, de forma gratificante, parcela da obra de seu tio, o competente e saudoso jornalista, Jamil Abrahão, sob cujas penas e lentes se registraram pessoas e  momentos importantes da vida pública  e privada da terra de Carlos Gomes, Campos Sales e que também é orgulhosamente nossa.  No centésimo aniversário, e cem é um número de consagração, os nossos parabéns e os votos de que a revista continue tendo longa vida na contribuição inegável que traz às velhas e novas gerações com informações e valores.  E oxalá que o Absoluta de seu batismo continue significando, como tem significado na sua trajetória, plenitude, diversidade e grau máximo de intensidade, marca das salutares paixões de seus protagonistas, no caso, bem resolvidas em nosso benefício. Grande abraço
Jamil Miguel