27/11/18 Brunch na Catedral

Chef Daniel Aquino comanda evento de Natal na Catedral da Sé, em São Paulo

Na mistura entre arte e gastronomia, adicione fé e uma pitada de generosidade. Essa é a receita infalível para o natal da edição especial do Brunch na Catedral que acontece no domingo, dia 9 de dezembro, às 12h30, no marco zero de São Paulo. Sob os cuidados do chef Daniel Aquino, esse encontro gastronômico contará ainda com a presença e colaboração das freiras da Abadia de Santa Maria.
Para a data, o chef preparou um menu recheado de pratos que remetem à data festiva, como Tender com Rapadura e Chutney de Goiaba e Farofa de Figo Turco e Amêndoas. Na seção de sobremesas, Guirlanda de Pavlova e Mini Surpresa de Panetone adoçam a celebração dos convidados. Há ainda opções sem ingredientes de origem animal para os vegetarianos e veganos. Na parte de bebidas, além do espumante símbolo dos brunchs, o chef servirá blackberry lemonade.
O Brunch na Catedral começa logo após a tradicional missa dominical, que tem início às 11h. Ao final, os convidados terão a oportunidade de participar de um tour guiado pela Igreja, um dos maiores templos neogóticos do mundo. Além de aprender mais sobre a história e a arquitetura do prédio, poderão subir até a cúpula da catedral para uma visão panorâmica do centro da cidade.
Todo o lucro do evento será revertido para a Associação Amigos da Catedral Metropolitana de São Paulo e ajudará na conservação e preservação do patrimônio histórico da cidade.
Os ingressos, assim como as informações adicionais, podem ser adquiridos pelo site www.brunchnacatedral.org.br e o pagamento deve ser feito por meio de depósito.
A Catedral Metropolitana de São Paulo está localizada na Praça da Sé, s/n, em São Paulo. 


Assine nossa Newsletter





























Muito mais sucesso e sempre ! Beijão
Elaine Mello 

Na matéria da revista Absoluta, em que Isabelle Sabbatini escreveu o texto sobre Egas Francisco, tive uma certeza: ela compreendeu um gênio !!!!!!
As suas palavras descrevem Egas como alguém "que inspira mansidão, acolhimento, ousadia e loucura". Esta é a síntese da genialidade de quem suplanta todas as expectativas de ser apenas um igual e abraça com ousadia e coragem as suas próprias contradições para construir um novo caminho. Pessoas que extrapolam os conceitos vulgares de simplesmente existir e, assim, atingem a genialidade. Pessoas que tornam menos sombria a condição humana, porque elas tem a criatividade e a força de espírito maior do que a maioria das pessoas integradas no contexto do existir comum.
Parabéns, Isabelle !!! Amei a matéria !!!! Bjs
Anna Maria Badaró, artista plástica