28/11/18 Morre Stella Tozo

Empresária estava à frente do Campinas Decor

Campinas amanhece triste, mais uma vez, com a notícia do falecimento de Stella Tozo, empresária da decoração e nome à frente do Campinas Decor, principal mostra de arquitetura, decoração e paisagismo da cidade. Mulher forte, determinada, exigente e talentosa, foi capa da edição 67 da Revista Absoluta, em fevereiro de 2008.
Stella deixa um legado de profissionalismo e dedicação ao mercado de arquitetura e decoração de Campinas.
Partiu cedo demais... Sentiremos sua falta. 


Assine nossa Newsletter



























É com muita admiração e orgulho que expresso a minha sincera opinião pelo trabalho de GIGANTE que a REVISTA desempenha através de suas pautas, buscando sempre nos informar e, sobretudo, ENSINAR abordando assuntos nas mais variadas áreas, políticas, sociais, médicas e empresariais buscando sempre a VERDADE e a autenticidade com muita elegância e firmeza.
Posso imaginar o grande empenho na busca pelas informações em tantas áreas diversas, e isso EM TODOS ESSES ANOS, ATÉ O NÚMERO 100.
REALMENTE só uma equipe fabulosa como essa da REVISTA ABSOLUTA com sua presidente, a querida BETTY ABRAHÃO, amiga de tantos anos, superando com muita GRANDEZA momentos difíceis e nos dando tantos ensinamentos com sua inteligência, sabedoria e bondade. Uma ABSOLUTA COMPLETA e VERDADEIRA, e me sinto honrada por ter o privilégio de expressar a minha admiração pelo trabalho e sucesso da revista. ESPERO que esse número 100 possa se multiplicar muitas e muitas vezes. Infinitamente!
Renata Strazzacappa Barone
 

 

Na matéria da revista Absoluta, em que Isabelle Sabbatini escreveu o texto sobre Egas Francisco, tive uma certeza: ela compreendeu um gênio !!!!!!
As suas palavras descrevem Egas como alguém "que inspira mansidão, acolhimento, ousadia e loucura". Esta é a síntese da genialidade de quem suplanta todas as expectativas de ser apenas um igual e abraça com ousadia e coragem as suas próprias contradições para construir um novo caminho. Pessoas que extrapolam os conceitos vulgares de simplesmente existir e, assim, atingem a genialidade. Pessoas que tornam menos sombria a condição humana, porque elas tem a criatividade e a força de espírito maior do que a maioria das pessoas integradas no contexto do existir comum.
Parabéns, Isabelle !!! Amei a matéria !!!! Bjs
Anna Maria Badaró, artista plástica