Absoluta

11/03/19 Terceira maior do mundo

Casa de leilões Phillips vem ao Brasil em março

Desde 2015, a Dedalo abriu as portas do mercado brasileiro de leilões para a Christie’s. Agora, chegou a vez da Phillips (terceira maior do mundo, atrás apenas da Sothebys e Christies) desembarcar por aqui.
A Dedalo tem crescido uma média de 20% ao ano e, como líder no mercado de leilões de luxo e colecionismo, seus resultados representam como vai esse mercado, comprovando que o brasileiro se interessa cada vez mais na aquisição de bens nesse formato.
Contudo, não é só o brasileiro que tem aumentado seu interesse em fazer suas ofertas em leilões, as gigantes internacionais estão de olho no país. A justificativa é que, hoje, o Brasil é considerado um país com valores mais acessíveis, ou seja, os itens de luxo usados aqui estão mais baratos em comparação com outros países.
A primeira imersão para sentir o mercado brasileiro acontece no dia 14 de março, quando duas das maiores autoridades do mundo vem a São Paulo para fazer avaliações de relógios raros e de luxo, Paul Boutros, chefe de departamento de relógios nas Américas (sediado em NY), e Susan Abeles, chefe de departamento de joias nas Americas (também sediada em NY).
Além de sentir o mercado, aproveitam para selecionar peças daqui para serem ofertadas em suas casas de Nova Iorque, Genebra e Hong Kong.
Vale lembrar que a Phillips detém o recorde do relógio com maior arrecadação do mundo: um Rolex Daytona que foi vendido à US$ 17 milhões.
A Phillips, com mais de US$ 180.000.000,00 de vendas em 2018 nos seus endereços em Nova Iorque, Genebra e Hong Kong, é líder no mercado global de leilões de relógios.


Assine nossa Newsletter



















Parabéns por esta edição que está maravilhosa 
Christiane Khattar

Maravilhosa cobertura da Feijoada da Hípica.
Vera Marcelino

Entre em contato agora mesmo!


Desejo receber as novidades