03/05/19 Verão 2020

Vitor Zerbinato apresenta criações inspiradas na década de 1970

A década de 1970 foi emblemática e transformadora. Com Rita Lee e os Mutantes, o Brasil se encantava pela voz, personalidade, força e poder daquela jovem de franjas e olhos azuis marcantes. Este é o cenário de partida da Coleção 2020 de Vitor Zerbinato.
Dividida em dois momentos da carreira da cantora, a primeira apresenta shapes setentinhas com túnicas, vestidos em comprimento míni, calças, smokings e muitos paetês, babados e cores fortes, como amarelo, coral, vermelho, fúcsia, branco e preto. Já a segunda entram em cena as viagens de Rita, com looks festivos, que remetem os momentos lúdicos, com jóias e bordados delicados como borboletas aplicadas à mão, tecidos esvoaçantes e leves e muita estampa, com tema fun, inspirado no disco de 1975 Fruto Proibido -, margaridas - flor ícone dos anos 1970 - e listas tradicionais e repaginadas, como África 70. Na cartela de cores off rose, ouro, lilás, verde água e prata se destacam.
Dentre os materiais explorados, estão crepe, tafetá, paetês, palha de seda, zibeline, tule bordado, georgette, tule laminado e gorgurão. A inspiração Rita Lee e os Mutantes aparece também nos saltos super altos das sandálias, feitas em tecidos da coleção ou no couro laminado com solado em corda, como espadrilhe, usado na capa do ‘Fruto Proibido”.
Personalidade alegria e shapes perfeitos fazem do Verão 2020 de Vitor Zerbinato uma celebração à arte, música e liberdade apresentada de forma luxuosa, elegante e moderna.

Veja fotos do desfile em nossa galeria.

fotos Igor Kalinouski


Assine nossa Newsletter





























Betty, parabéns seria pouco pela beleza e mudança da sua revista, foi um enorme prazer estar com vocês. Ela não deve nada comparada a uma revista Francesa ou Italiana. Parabéns mesmo. Um grande abraço
Myrian Abicair, Spa 7 Voltas

Parabéns!!!!!!! Betty Abrahão... essa Revista é o Máximo!!!!!!... Adorei!!!... Sucessooo !!!
Franco Junior