26/10/17 Patrimônio Histórico

Evento comemorou fim das obras de restauro da Academia Paulista de Letras

Na última quinta-feira, dia 19, foi entregue a etapa final das obras de restauro da tradicional Academia Paulista de Letras, localizada no Largo do Arouche, em São Paulo.
A cerimônia oficial contou com a participação de integrantes da academia, presidida pelo professor e escritor Gabriel Chalita, do governador Geraldo Alckmin e do secretário de Estado da Cultura José Luiz de França Penna.
Alckmin disse que sua alegria em ir à academia era dupla. “Primeiro, por entregarmos esse convênio que fizemos do restauro da fachada desse prédio da década de 40 e 50 e esse trabalho de recuperação do nosso centro, de várias áreas, para trazer as pessoas de volta a morar na região central. Nosso esforço e empenho para recuperar a região do centro expandido, onde a estrela de maior grandeza é a Academia Paulista de Letras”, disse o governador. “Muito mais que um prédio nós estamos aqui para reverenciar o que representa a academia pelos seus membros e sentido de valorização de nossa cultura e história”, concluiu Alckmin.
O secretário de Estado da Cultura falou de sua satisfação em visitar a Academia Paulista de Letras. “É um prazer muito grande estar em uma casa como essa e com pessoas tão ilustres”, disse Penna, que colocou a pasta à disposição da Academia e dos seus integrantes.
O Governo do Estado investiu R$ 1,3 milhão nesta última etapa da obra, que contempla a impermeabilização de lajes, substituição de revestimentos, correção de trincas, fissuras e ferragens expostas, limpeza e higienização de pastilhas que cobrem a fachada.
O edifício sede da Academia Paulista de Letras foi construído nos anos de 1940 e 1950 com projeto do arquiteto Jacques Pilon, que projetou também o prédio da Biblioteca Mário de Andrade, no centro de São Paulo, e o Viaduto do Pacaembu.

O prédio construído em estilo modernista e art déco é tombado pelo Condephaat (Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico do Estado de São Paulo), órgão que zela pela conservação de imóveis tidos como patrimônios históricos, arquitetônicos, artísticos e turísticos do Estado de São Paulo. O imóvel é considerado uma renovação da arquitetura da época e expressa novos tratamentos plásticos na paisagem urbana. 

Confira fotos do evento na nossa galeria.
 


Assine nossa Newsletter





















Ola Betty, como sempre se superando com a Absoluta. Aliás, ADORO lê-la EM MÃOS. 
Renata Barone

A revista Absoluta sempre fez parte da minha vida. Com ela, aprendi a conhecer ainda mais a minha cidade. Hoje, como colaboradora da publicação, sinto-me honrada por participar da equipe. Parabéns a todos os profissionais e especialmente à querida Betty, uma comunicadora nata e empreendedora de comunicação de mão cheia. Um beijo
Ciça Toledo

 

Nome


E-MAIL
Mensagem