Conferência estadual de economia solidária

Please select a featured image for your post

Campinas sediará de hoje até domingo, na Estação Cultura, a II Conferência Estadual de Economia Solidária de São Paulo, que reunirá representantes do segmento, prefeitos e outras autoridades de vários municípios do Estado de São Paulo.

Proposto pelo Ministério do Trabalho e Emprego, o evento apresentará propostas de políticas públicas com base em três eixos: Avanços, limites e desafios da Economia Solidária no atual contexto socioeconômico, político, cultural e ambiental nacional e internacional; Direito a formas de organização econômica baseadas no trabalho associado, na propriedade coletiva, na cooperação, na autogestão, na sustentabilidade e na solidariedade, como modelo de desenvolvimento; Prioridades, estratégias e instrumentos efetivos de atuação e de organização de Políticas e programas de Economia Solidária.

Participarão do evento em Campinas 620 delegados eleitos em encontros regionais em todo o Estado. Serão escolhidos 22 delegados que representarão São Paulo na conferência nacional, marcada para ocorrer de 16 a 18 de junho, em Brasília.

Entre os objetivos da conferência estão a realização de um balanço sobre os avanços, limites e desafios da economia solidária e das políticas públicas voltadas ao segmento no atual contexto socioeconômico, político, cultural e ambiental nacional e internacional.

Na avaliação da secretária municipal de Trabalho e Renda, Maristela Braga, a conferência se traduz em um momento propício para identificar os avanços e limites da economia solidária no Brasil e, a partir dos aprendizados, fortalecer e aperfeiçoar as prioridades, estratégias e instrumentos efetivos de políticas públicas.

Programação:

Dia 23 de abril (sexta– feira):
18h – Mesa de Abertura:
Hélio de Oliveira Santos – Prefeito de Campinas
Maristela Braga e Sebastião Arcanjo – Secretária e ex-secretário de Trabalho e Renda de Campinas
Sandra Kennedy – Prefeita de Registro
Newton Lima Neto – Ex-prefeito de São Carlos
Hernám Maxmillian Villar – Diretor do Departamento de Geração Qualificação Trabalho e Renda, de Santo André
Emídio de Souza – Frente Nacional dos Prefeitos e prefeito de Osasco
Simão Pedro – Deputado estadual e presidente da Frente Parlamentar de ECOSOL
Sandra Praxedes – Rede de Gestores Públicos
Cida Reis – Fórum Paulista de ECOSOL
Diogo Jamra – Comissão Estadual II Conferência Estadual

Dia 24 de abril –(sábado):

9h – A economia solidária e os movimentos sociais:
Movimento de Cultura Livre
Movimento de Moradia/ Bancos Comunitários de SP
Religiões de matriz africana e populações tradicionais
Representante Campanha da Fraternidade
Representante da Marcha Mundial das Mulheres

10h – Pelo direito de produzir e viver em cooperação de maneira sustentável:
Leonardo Pinho – Fórum Paulista de ECOSOL
Movimento Nacional dos Catadores de Materiais Recicláveis (MNCR)
Rede de Saúde Mental e ECOSOL
Movimento Sem Terra (MST)
Representante Nacional do GT ECOSOL – Pontos de Cultura

12h – Fim do credenciamento dos delegados (após esse horário a Conferência fica restrita aos delegados e membros da organização)

12h as 13h30 – Almoço

13h30 às 17hs – GT´s Três eixos da II CONAES
Propostas trazidas das conferências regionais e emendas ao texto-base

Dia 25 de abril (domingo)
9h às 12h – Plenária de encaminhamentos das propostas dos eixos

12h às 13h30 – Almoço

14h às 17h – Plenária de eleição de delegados


Serviço:

Estação Cultura
raça Marechal Floriano Peixoto, s/ n°, Centro

Mais informações: http://conaessp.blogspot.com/ e http://www.mte.gov.br/conaes   

Nenhum Comentário Ainda

Deixar uma Resposta