Consumo de artigos de luxo

Please select a featured image for your post

A venda de perfumes e cosméticos de luxo on-line é cada vez mais significativa entre os consumidores do interior e já ultrapassam os dos grandes aglomerados urbanos do país. Na varejista virtual de perfumes e cosméticos da América Latina, a Sack´s, os interioranos representam 55,1% dos clientes, que movimentaram mais de R$ 33,5 milhões no ano de 2008 – uma alta de 52,3% sobre 2007.

O principal responsável pela evolução do segmento foi o aumento de 58% no volume de mulheres cadastradas no interior, que em 2008 ultrapassou os 190 mil registros. O público feminino gerou mais de R$ 25,2 milhões em compras no ano, valor 40% superior ao volume movimentado pelas consumidoras das capitais e 50% maior que o apurado no ano passado.

“O avanço na demanda de clientes do interior é justificada pela facilidade de acesso que a internet proporciona. Nas regiões mais afastadas dos pólos comerciais é mais difícil chegar até os artigos de luxo, que são geralmente ofertados nas grandes capitais”, analisa Carlos André Montenegro, sócio-diretor da empresa.

Dentre as marcas mais vendidas para o público do interior do país estão Dior, Kenzo e Azzaro. Embora os homens sejam minoria na categoria, apresentaram significativa evolução (53%) nos cadastros da empresa, atingindo faturamento de R$ 8,3 milhões. Se comparados aos representantes masculinos das capitais, os interioranos são hoje superiores em 32%.

Os clientes da capital movimentaram um valor 42% superior no fechamento de 2008, registrado em R$ 24,4 milhões.

 

 

Nenhum Comentário Ainda

Deixar uma Resposta