Cuidados nas festas juninas

Please select a featured image for your post


Junho é mês de brincadeiras ligadas a fogos e fogueiras, típicas das festas juninas. Por isso a Secretaria de Estado da Saúde preparou uma série de dicas para evitar que as festas tradicionais terminem em tragédias.

O primeiro passo, muito importante, é observar a origem dos fogos adquiridos e não usar materiais de fabricação caseira.

“Não se deve guardar grande quantidade de fogos em um único local, pois um acidente será certamente fatal”, orienta José Antonio Cezaretti, médico da Unidade de Queimados do Hospital Estadual de Vila Penteado, na zona norte da capital.

Na hora de soltar fogos, o médico destaca alguns cuidados que podem evitar lesões nas mãos, braços, rosto ou mesmo auditivas.

– Nunca soltar rojão segurando diretamente na mão: o ideal é interpor com vários rojões já usados ou mesmo varetas, deixando uma distância de pelo menos 60 cm da mão e afastado do rosto;

– Não apontar para onde há pessoas circulando;

– Evitar proximidade com fios elétricos.

E não são somente os fogos de artifício que podem provocar acidentes. Mesmo na hora de acender fogueiras, o médico recomenda atenção redobrada.

“As bebidas típicas de festa junina, como o vinho quente e o quentão, também são inflamáveis, e sua proximidade às fogueiras pode resultar em acidentes”, explica Cezaretti.

 

 

 

Nenhum Comentário Ainda

Deixar uma Resposta

error: Content is protected !!