Curso Internacional

As lombalgias (dores na região mais baixa da coluna) são a segunda maior causa de visitas a consultórios médicos no Brasil, que recebem 4,63 milhões de pacientes por ano se queixando do problema. Oito em cada dez queixas são de pessoas entre 30 e 50 anos de idade. O número é inferior apenas ao de pacientes com dor de cabeça, segundo dados do Ministério da Saúde.

Para discutir os novos conceitos no tratamento da dor aguda e crônica da coluna o Instituto Wilson Mello, de Campinas, realiza de 8 a 10 de novembro o Curso Internacional de Reabilitação das Lombalgias. Coordenado pelo Dr. Rodrigo Vasconcelos, as aulas práticas e teóricas terão a presença do fisioterapeuta e especialista em reabilitação ortopédica John Childs (EUA), considerado autoridade mundial no assunto.

O curso discute um método inovador e eficaz no combate às lombalgias, o chamado Sistema de Classificação de Subgrupos, criado nos Estados Unidos pelo Dr. Antony Dellito, professor da Universidade de Pittsburgh. O processo consiste em caracterizar o perfil funcional dos pacientes que melhoram rapidamente através da manipulação vertebral. Diversos especialistas tomaram o estudo como parâmetro e se aprofundaram no tema, identificando pacientes que melhoram de maneira significativa por meio de outras técnicas terapêuticas.

Segundo Rodrigo Vasconcelos, coordenador do curso, “o sistema é hoje a principal tendência dos fisioterapeutas norte-americanos para o tratamento da dor lombar”. O coordenador do Centro Avançado em Fisioterapia Ortopédica e Esportiva do Instituto Wilson Mello afirma que sua equipe vem utilizando este método há dez anos com excelentes resultados.

 

 

 

Nenhum Comentário Ainda

Deixar uma Resposta

error: Content is protected !!