O Natal e a infância

Segundo alguns psicólogos, é saudável que os pais incentivem o filho a acreditar em Papai Noel. Para boa parte das crianças, os dias que antecedem a visita do Papai Noel são momentos mágicos. Crianças fazem pedidos, promessas, ajudam a enfeitar a árvore, cantam músicas, ouvem histórias, mas, independentemente das atividades e rituais de cada família, o mais importante é alimentar a fantasia, pois como dizia o psicólogo austríaco Bruno Bettelheim (1903-1990), sem ela não existe a possibilidade de uma boa compreensão do que chamamos realidade.
Por isso, estimular a fantasia é praticamente um dever dos pais, porque faz parte do processo de educação de um filho. Ao imaginar e brincar, a criança entende e aprende a lidar com seus sentimentos. As figuras imaginárias ajudam as crianças a conhecerem elas mesmas e a entenderem como funcionam as relações no mundo.
Sempre que falamos sobre a história da criança e a identidade dela, é importante lidar com a verdade. No tempo certo, ela irá entender que são apenas personagens e que só existem em nosso imaginário.

Nenhum Comentário Ainda

Deixar uma Resposta

error: Content is protected !!