Obesidade infantil

Please select a featured image for your post


Em estudo publicado no Journal of Glaucoma, pesquisadores do Diskapi Children’s Hospital, na Turquia, revelam que cerca de 10% das crianças obesas participantes da pesquisa apresentaram pressão intra-ocular (PIO), elevada, um grave fator de risco para o aparecimento do glaucoma.

Vários estudos anteriores já haviam sugerido que a obesidade é um fator de risco independente para o aparecimento do glaucoma, mas os testes para chegar a estas conclusões só haviam sido feitos com adultos.

Para o estudo turco, 72 crianças obesas foram comparadas com um grupo controle. Ambos os grupos foram submetidos a uma tonometria de aplanação Goldmann (TAG), a três aferições da pressão arterial e a uma exoftalmometria.

A descoberta é muito importante porque uma pressão intra-ocular elevada é incomum nessa faixa etária, exceto para os casos com glaucoma juvenil já diagnosticado.

Nove crianças obesas, ou seja, 18% das crianças também foram diagnosticadas com exoftalmia bilateral, em comparação com nenhum caso no grupo de controle. O sexo não afetou significativamente a PIO em ambos os grupos.

Nenhum Comentário Ainda

Deixar uma Resposta