Operação tapa olheiras

Definidas pelos médicos como hipercromia periorbital, as olheiras são caracterizadas pelo escurecimento da região inferior dos olhos e podem surgir por fatores genéticos, raciais, privação do sono, doenças alérgicas ou asma, sequela de pós-operatório de cirurgias na face, doenças da tireóide e tabagismo. Elas podem estar presentes desde a infância, mas, é durante a vida adulta que se tornam mais evidentes e passam a incomodar, prinicipalmente as mulheres. Apesar disso, não oferecem riscos à saúde, desde que não sejam causadas por traumas como quedas e acidentes que possam originar fraturas nos ossos da face.
As olheiras são divididas em vasculares, melânicas e mistas. A primeira delas, apresenta uma coloração arroxeada e resulta dos vasos da região; as melânicas, por sua vez, possuem coloração marrom pelo excessso de pigmentação no local; já as mistas, têm caracteristicas de ambas as anteriores.
O problema pode ser amenizado, porém, não totalmente eliminado. Para o tratamento, são indicados produtos específicos para aplicação na região dos olhos, contendo princípios ativos que atuam no clareamento da região, que podem ter efeito temporário ou a longo prazo. Segundo a dermatologista Mariana Discacciati Chiminazzo, os princípios ativos responsáveis pelo clareamento são a cafeína, haloxyl, ácido tioglicólico, ácido kójico, retinol, vitamina C e a vitamina K. Para o uso desses, deve haver uma prescrição médica, já que apresentam chances de ocasionar alergias ou irritação.
Após avaliações feitas por um médico especialista, também podem ser realizados procedimentos estéticos para amenizar as olheiras como, por exemplo, aplicação de luz intensa pulsada, com no mínimo 4 sessões; aplicações com laser, como o dye laser, o NdYag e outros fracionados; peelings químicos contendo ácido tioglicólico; e o preenchimento da goteira lacrimal com ácido hialurônico, que ajuda a melhorar o aspecto fundo do rosto e a coloração arroxeada da olheira.
Ainda de acordo com Mariana, hábitos de vida saudável podem ser considerados tratamentos naturais e ajudam a clarear a pele abaixo dos olhos. São eles: dormir bem, evitar a ingestão de bebidas alcoólicas e não fumar. “Algumas medidas caseiras como aplicação de compressas geladas de chá de camomila, também podem ajudar. Os rolos de gelo podem amenizar o aspecto de olhos cansados”, aconselha a profissional. “Hoje está sendo muito usado o preenchimento das olheiras com o ácido hialurônico, e os resultados são muito bons. Porém, o sucesso do tratamento depende de um conjunto de medidas, incluindo o uso dos cremes e uma boa avaliação médica” finaliza, lembrando que cada caso requer um tipo de tratamento.

    

Nenhum Comentário Ainda

Deixar uma Resposta

error: Content is protected !!