Organizando a papelada

Todos os dias, a quantidade de papéis acumulados aumenta, seja no trabalho, seja em casa. Provenientes de cursos, formulários, revistas e contas, eles vão se acumulando cada vez mais, e nem mesmo o uso de computadores e smartphones ajudam a diminuir a desordem. Por isso, a coach Tália Jaoui lista algumas dicas fáceis de organização para evitar as pilhas e mais pilhas de papeladas espalhadas por aí, onde a maior parte poderia ser descartada. Confira:

– Não coloque papéis em uma pilha grande e diga que vai lidar com isso mais tarde. Decida o que fazer naquele momento, escolhendo entre as seguintes medidas: ler, pagar, registrar, fazer ou arquivar;
– Use um sistema aglutinante, como um organizador fácil, para manter todas as informações importantes em um local acessível;
– Avalie suas assinaturas de jornais e revistas. Considere manter apenas as assinaturas que lê regularmente. Doe revistas antigas para centros de idosos, abrigos ou consultórios médicos;
– Verifique com o contador ou advogado quanto tempo precisa conservar determinados documentos. Depois, é só colocá-los para armazenamento e marcá-los com uma data de expiração, se tiver uma;
– Registre-se para pagar as contas online. Isso elimina a necessidade de envelopes e correio, economizando tempo e dinheiro. Também é possível ter extratos enviados eletronicamente. A natureza agradece;
– Muitas vezes as pessoas arquivam papéis que nunca são olhados de novo. Antes de arquivar, faça esta pergunta: "Será que eu realmente preciso manter este documento?". 

Nenhum Comentário Ainda

Deixar uma Resposta