Páscoa Italiana

Em poucos lugares do mundo as celebrações de Páscoa são levadas tão a sério quanto na Itália. Por isso, quem visitar a Toscana no início de abril terá dupla oportunidade de fazer uma viagem inesquecível, já que além de conhecer a região no início da primavera, quando as paisagens estão mais exuberantes, poderá ver de perto as tradicionais procissões da Semana Santa, reconhecidas como uma das mais antigas e visuais do mundo.
Em Florença, as celebrações começam dias antes do feriado, quando os famosos concertos pascais iniciam suas apresentações em diversas igrejas. No período, é possível também visitar o Easter Market para comprar roupas e artesanato feitos por moradores de rua, na Igreja de Barnabiti, na Via S. Agostino. Oficialmente, a Páscoa italiana começa na quinta-feira, com um espetáculo interessante: as igrejas abrem suas portas e convidam os fiéis e turistas para visitarem os altares ricamente decorados com flores. Em alguns lugares, as crianças saem pelas ruas coletando pétalas de diferentes cores para a montagem de mosaicos que ilustram a morte de Cristo e o seu renascimento. Já na Sexta da Paixão, os visitantes podem ver de perto as diversas procissões religiosas que ocupam os centros históricos de quase todas as cidades da Toscana. A experiência é religiosa, emocional e visual, especialmente nas pequenas comunas.
Em Pienza, próxima a Monteverdi, os participantes desfilam com capuzes sobre a cabeça, descalços e com velas. Já em Chianciano, eles seguem o cortejo vestidos com roupas de personagens históricos, como Herodes e Pôncio Pilatos, acompanhando a estátua da Virgem Maria ou de Jesus sendo levada em seus ombros. Uma dica é seguir até a pequena cidade de Grassina, a 15 minutos de Florença, para assistir à encenação da Paixão de Cristo, que conta com 500 “atores”, que são na verdade habitantes locais, numa tradição que acontece há mais de 300 anos. A peça, narrada por meio de música e desfile, termina com a representação da crucificação no alto de um pequeno morro nos arredores.
A programação se torna menos agitada no sábado, em que tradicionalmente boa parte das famílias italianas está em casa, cozinhando e se preparando para as celebrações de domingo. Uma opção para aproveitar o dia é experimentar as deliciosas criações gastronômicas toscanas, produzidas especialmente para a data: “colombas”, pães, queijos e refeições com cordeiro são pratos quase que onipresentes nos principais restaurantes da região.
A principal festa, porém, acontece em Florença, no Domingo de Páscoa, com o “Scoppio del Carro”, uma tradição que existe desde a época medieval. Nela, um carro percorre todo o centro histórico até chegar ao belíssimo Duomo. Ali, ele explode, liberando vários fogos de artifício. Por ser uma das principais atrações do período, os visitantes devem chegar cedo ao local. A procissão começa às 10h. Comunas como Rufina, Cutigliano e Porto Santo Stefano realizam uma versão menor desta celebração, o que pode ser uma excelente alternativa para quem quer vivenciar as comemorações da Páscoa em um ambiente mais tranquilo.

Nenhum Comentário Ainda

Deixar uma Resposta

error: Content is protected !!