Pesquisa revela preocupações dos pais

Please select a featured image for your post

Uma pesquisa da Intel Corporation revela que quando se trata de conversar com seus filhos, os pais alegam que matérias como matemática e ciências são mais difíceis de discutir do que sobre o uso de drogas. O estudo descobriu que apesar de mais de 50% dos pais classificarem matemática e ciências como as matérias fundamentais para o futuro sucesso de seus filhos, eles alegam desconforto para conversar com eles sobre essas disciplinas. Cerca de 1/4 dos entrevistados dizem que a principal barreira é a própria falta de conhecimento deles nessas áreas.

Na semana passada, a Avaliação Nacional do Progresso Educacional (NAEP na sigla em inglês), chamado de “relatório da nação”, revelou que menos de 40% dos alunos entre o quarto e o oitavo ano nos Estados Unidos são proficientes em matemática. O relatório da NAEP também descobriu que os alunos do quarto ano não melhoraram desde a última prova realizada em 2007, embora os alunos do quarto ano tenham evoluído em todas as provas de matemática da NAEP desde 1990.

A pesquisa também descobriu que as escolas americanas não estão satisfazendo as expectativas dos pais, com praticamente 9 em cada 10 dizendo acreditar que os EUA estão atrás de outros países em matemática e ciências, mesmo que 98% deles avaliem essas matérias essenciais para o futuro da América.

91% dos pais acreditam que o envolvimento deles é crucial para o sucesso acadêmico de seus filhos, com praticamente 9 entre cada 10 (89%) alegando que conversar com seus filhos sobre a importância da matemática e da ciência no mundo real ajudaria a melhorar o desempenho e o interesse da criança. Entre os resultados estão:

• Apesar de reconhecerem a importância da matemática e da ciência, os pais se dizem desconfortáveis para conversar sobre essas matérias com seus filhos. 53% dos pais de adolescentes admitem ter problemas para ajudar seus filhos com os deveres de casa de matemática e ciência. Os pais de estudantes do ensino médio possuem mais chance que isso aconteça do que os pais de crianças mais jovens na hora de expressar seu desapontamento com a própria habilidade em ajudar seus filhos nessas matérias.

• 23% dos pais admitem estar menos envolvidos com a educação de seus filhos em matemática e ciência do que gostariam e dizem que a principal barreira é a própria falta de conhecimento deles nessas matérias.

• 26% dos pais que estão menos envolvidos do que gostariam, sonham com uma solução rápida para reativar o conhecimento não utilizado, porém existente, deles em matemática e ciências para que eles possam ajudar seus filhos.


Nenhum Comentário Ainda

Deixar uma Resposta

error: Content is protected !!