Pink Elephant




Sofisticação e exclusividade nunca são demais quando o assunto é vida noturna. Afinal, o mercado de vida noturna vive mesmo de glamour e muita animação. Entre os poucos expoentes, em todo o Brasil, que podem ser citados quando o assunto é balada realmente TOP, temos a conceituadíssima Pink Elephant, em São Paulo.

A história

Inaugurada no final de 2008, a Pink Elephant São Paulo é uma das mais badaladas grifes de casas noturnas internacionais. E a primeira unidade na América Latina, só poderia ser em São Paulo – BR. A rede, atualmente, possui cinco casas em funcionamento: Nova York, Southampton, St. Barths, Park City, São Paulo e Porto Alegre, com mais cinco em fase final de construção: Chicago, Las Vegas, Líbano, Los Angeles e Playa Del Carmen.

A casa está totalmente focada num público muito seleto, que não abre mão de entretenimento de alto luxo. E para atender esse nicho, é claro que a Pink Elephant oferece um serviço impecável, além de som e iluminação de última geração. E claro, também passam por lá os melhores DJs do mundo.

E mesmo no concorridíssimo mercado de vida noturna de São Paulo e mais de um ano e meio depois da inauguração, a Pink Elephant continua a manter o mesmo glamour de quando a casa abriu as portas.

É fato que essa unidade da exclusiva balada superou as expectativas e se tornou uma referência no mercado de vida noturna, dentro e fora do Brasil. O projeto segue o padrão mundial da rede e foi executado no Brasil pelo arquiteto curitibano Jayme Bernardo.

O lugar

Um fato incontestável em qualquer balada, é que a melhor decoração que um lugar pode ter é “gente bonita”. E nesse ponto, a Pink Elephant da um show. O lugar está sempre prestigiado por pessoas bonitas e de alto astral. Mas esse público também quer diferenciais. Afinal, um público seleto, espera antes de tudo muito conforto.

Assim, Pink Elephant tem um conceito que inova na forma e estilo para proporcionar esse ambiente diferenciado. Pra começar, o lugar sai completamente do estilo tradicional de balada. Em vez de uma pista gigante ao centro, com poucos camarotes em volta, a Pink Elephant simplesmente inverte esse conceito. Na casa, são os camarotes que ocupam a maior parte do espaço. E pequenos corredores e um mini pista de dança completam o espaço.

O conceito é simples: o cliente da Pink não abre mão da exclusividade, e sendo assim, ele quer um camarote espaçoso e muito confortável pra curtir a balada, muito bem acompanhado, com todos os seus amigos. Cada um dos camarotes tem vista direta para a cabina do DJ, sem qualquer obstrução visual. Além dos sofás confortáveis e mesas de centro sempre bem aparelhadas, ainda existe uma mini plataforma na frente de cada camarote, onde as mulheres adoram dançar, quando a noite pega fogo! Os camarotes ainda contam com geladeiras privativas e armários para bolsas e casacos que substituem o guarda-volumes.

Mas a sofisticação da Pink vai muito além. Nela estão presentes detalhes tecnológicos de última geração, como a iluminação produzida pela mesma empresa que ilumina o Museu do Louvre, Paris, e o hotel Burj Al Arab, em Dubai.

O projeto de som exclusivo da rede Pink Elephant entrega potência e nitidez a todas as áreas da casa. Até nos banheiros, da pra continuar curtindo o som da balada, sem perder nada do que acontece na pista principal.

Um ponto geralmente crítico em baladas é a climatização do lugar. Mas na Pink, os cuidados foram além. O ar condicionado importado do Japão é o único da América Latina. Além de pleno controle da temperatura, atua sobre a umidade relativa do ar, com sistema que decanta a fumaça, embora seja proibido fumar no local, existindo uma área externa privativa para aqueles que quiserem fumar, respeitando assim a lei municipal.

E se tudo isso não fosse o bastante, a casa possui ainda um camarim com profissionais para as mulheres retocarem a maquiagem e o cabelo, durante a balada. Esse camarim está no mesmo nível dos melhores salões de beleza da cidade de São Paulo, com maquiagens importadas das mais famosas grifes mundiais. Tudo para manter a exclusividade e o glamour a noite toda!

“Flagship” Club Dom Pérignon

A Pink Elephant São Paulo foi o primeiro club no Brasil a ter um camarote da Dom Pérignon. As garrafas Magnum de 1,5 litro e Jeroboam 3 litros do champagne são servidas em uma exclusiva champanheira luminosa, a Dom Pérignon Light Source, desenvolvida pela maison na França especialmente para a boate. O camarote Dom Pérignon, especialmente decorado, é o único da casa com banheiro exclusivo e que pode ser reservado por quem tiver o ID Card da marca, que foi lançado em Janeiro 2009.

Bar Veuve Clicquot

O principal bar da Pink Elephant São Paulo, assinado pela Veuve Clicquot foi todo ambientado na cor amarelo-Clicquot e pela equipe de designers da maison em Reims, na França e implementado no Brasil pela equipe do arquiteto Jayme Bernardo.

Outros espaços semelhantes, assinados pela Veuve Clicquot, já existem em casas noturnas consagradas de Londres, Macau e Dubai. A iniciativa faz parte de um projeto exclusivo da marca para manter próxima aos consumidores jovens, freqüentadores das melhores casas noturnas estabelecidas ao redor do mundo.

Além disso, a casa recebeu com exclusividade, a peça criada para a Veuve Clicquot pelo renomado design Karim Rashid: a namoradeira Clicquot Loveseat (também conhecida por Lobby Seat), que fica em exposição na Pink Elephant. Esse espaço, para duas pessoas, custa R$ 1.500,00 e quem faz essa reserva, já ganha uma garrafa de champanhe Veuve Clicquot. Além desse espaço, todos os camarotes em forma de mesas são vendidos, chegando ao preço de R$6.000,00 cada, contando com 25 camarotes ao redor da pista.

Somente bebidas diferenciadas

Na Pink Elephant são servidas apenas bebidas importadas, sejam vodkas, champanhes ou destilados. Uma tradição da Pink, para os clientes que consomem bastante na casa, são os “foguetinhos” que acompanham as garrafas. Toda vez que um pedido é feito com mais de 4 garrafas, elas chegam ao camarote do cliente iluminadas pelos “foguetinhos”. E para o máximo de atenção de todos em volta, as luzes são reduzidas para o efeito ser pleno no ambiente da casa. Vale destacar que a garrafa de champanhe ou vodka mais barata, custa R$ 525,00. Quando o cliente compra acima de 8 garrafas, a música que está tocando para e começa a tocar músicas exclusivas como a do filme super-homem e nome do cliente é entoado pelo mestre de cerimônias.

Vale frisar que não é comum ver clientes pedindo acima de 20 garrafas por noite de uma só vez.

Efeito “camaleão”

A título de curiosidade, a Pink Elephant é muito mais que uma simples balada. Ela também é hoje um espaço de eventos quase camaleônico. Para se ter uma idéia da ousadia dos gestores da casa, o gerente nos contou, que certa vez, o interior da Pink Elephant foi transformado numa praia! Mas não era só a decoração em volta. O piso foi enchido com areia de praia mesmo. E os convidados recebiam um par de sandálias na entrada, pra curtir a mini-praia “indoor” dentro da Pink.

Mordomia e segurança

A título de curiosidade, para os clientes que acabam passando um pouco do nível alcoólico permitido por lei para direção, o “valet service” disponibiliza motoristas para levarem os carros dos clientes com os clientes para suas devidas casas em segurança.

Infos Pink Elephant

Mais informações sobre a casa podem ser obtidas no site: www.pinkelephantclub.com.br
A Pink Elephant fica na rua Gumercindo Saraiva, 289 – Edifício Dacon. Telefones para contato (11) 2769-2003 / 2004.

A casa funciona de quarta à sábado a partir das 23h. A capacidade do lugar é para até 500 pessoas. O cliente pode utilizar todos os cartões de crédito, e conta com o serviço de Valet no estacionamento (R$ 25).

 

 

Nenhum Comentário Ainda

Deixar uma Resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.