Porsche 911 GT2 RS




O GT2 RS marca o topo absoluto na linha 911, e é o carro esporte mais rápido e com mais potência já construído pela Porsche. Com mais 90 cavalos de potência, e uma redução de peso de 70 kg em comparação com o 911 GT2, o novo 911 GT2 RS tem uma relação de peso-potência de apenas 2,21 kg/cv.

Comparados com o 911 GT2 lançado em 2008, o consumo de combustível e as emissões de CO2 tiveram uma redução de aproximadamente 5%, atingindo valores de 8,4 km/l e 284 g/km.

O motor boxer com 3,6 litros e 6 cilindros é reforçado por dois turbocompressores de geometria variável (VTG). A caixa de câmbio é manual de 6 marchas. Desenvolvidos especialmente para o 911 GT2 RS, os pneus esportivos 325/30 ZR de 19 polegadas convertem esta potência em um desempenho e aceleração excepcionais: 0 a 100 km/h em 3,5 segundos, 0 a 200 km/h em apenas 9,8 segundos e 0 a 300 km/h em apenas 28,9 segundos. A velocidade máxima é 330 km/h.

Um poder de frenagem extremo é fornecido pelos freios de composto de cerâmica (PCCB). Uma dinâmica longitudinal e cruzada é assegurada pelo ajuste esportivo RS das molas, PASM (Porsche Active Suspension Management, ou gerenciamento de suspensão ativa Porsche) e barras estabilizadoras, bem como as fixações dinâmicas do motor e o PSM (Porsche Stability Management, gerenciamento de estabilidade Porsche).

O visual do novo 911 GT2 RS deriva do 911 GT2, principalmente pelo uso de componentes de fibra de carbono reforçado (carbon-fibre-reinforced, CFR) com o acabamento da superfície em preto fosco, rodas ainda mais largas e arcos das rodas afilados na dianteira, novas rodas de liga leve 911 GT2 com travamento central e as designações do modelo ("GT2 RS") nas portas e tampa traseira. A saliência do spoiler dianteiro e a saliência do spoiler traseiro atualizadas, feitas de CFR e agora 10 milímetros mais altas, com acabamento da superfície em carbono, asseguram a precisão aerodinâmica correta, bem como uma força vertical descendente adicional.

O interior também exibe a tendência de desempenho esportivo em todos os detalhes, contando com assentos de baixo peso feitos de plástico reforçado com fibra de carbono e acabamento da superfície em carbono, e painéis das portas de baixo peso com tiras para abertura das portas. A cor do interior é preto, contrastando com as seções centrais dos assentos e o revestimento do teto, bem como segmentos nas bordas do volante. O câmbio e a alavanca do freio de mão têm acabamento em vermelho alcântara.

Limitado a apenas 500 unidades no mundo, o 911 GT2 RS estará disponível na America Latina a partir de setembro de 2010.

Nenhum Comentário Ainda

Deixar uma Resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.