Programa de prevenção à Aids

A segunda edição do calendário Cabeleireiros Contra AIDS contou com a participação dos hairstylists Djalma Kais e Gilberto Stein, de Campinas. O projeto faz parte do programa internacional de prevenção de DST/AIDS da L’Oréal Professional em parceria com a UNESCO e o Ministério da Saúde.

O trabalho voluntário da dupla de cabeleireiros pode ser conferido na ilustração do mês de abril com a produção feita na atriz Leona Cavalli, com foto de Marcelo Corrêa.

Lançado no Rio de Janeiro, o calendário 2010 já pode ser comprado por R$ 10,00 em cerca de 100 salões de beleza do País. Em Campinas, o ponto de venda é o próprio salão da dupla Djalma Kais e Gilberto Stein. Toda a renda arrecadada será revertida à entidade Sociedade Viva Cazuza, comandada por Lucinha Araújo.

“Adoro fazer trabalho beneficente. Eu e meu sócio Gilberto sempre nos envolvemos com projetos voluntários, mas quando está relacionado ao nosso trabalho, que é a arte de fazer cabelos, fica ainda melhor de fazer”, diz Djalma.

Segundo o cabeleireiro, a produção da foto também foi um trabalho agradável, graças ao espírito de colaboração de toda a equipe. “Leona Cavalli foi fantástica, uma atriz que está despontando no cenário artístico, de grande talento e cheia de disposição. Tudo para ela era ótimo. O fotógrafo (Marcelo Corrêa), que eu já conhecia, também estava neste espírito, e toda a equipe, incluindo maquiagem e stylist”, conta Djalma, que também deu sua opinião em toda a produção da foto.

As 12 fotos são assinadas por fotógrafos de moda e cada uma delas leva uma mensagem. Além de Leona Cavalli, também participam do projeto os artistas Luana Piovani, Maria Paula, Fernanda Abreu, Gabriela Duarte, Danielle Winits e Cássio Reis, Carol Castro, Giulia Gam, Sérgio Marone, Cris Viana, Regiane Alves e Gisele Itié. Os calendários Cabeleireiros contra AIDS 2010 serão vendidos em mais 20 países, com o slogan “Quem cuida da beleza, cuida da saúde”. Segundo os organizadores, o sucesso do calendário 2009, que arrecadou cerca de R$ 26 mil, motivou a realização desta segunda edição.

O objetivo do projeto é aumentar a prevenção contra a AIDS em toda a sociedade, especialmente no mercado de beleza. De acordo com Maria Rebeca Otero Gomes, oficial da UNESCO no Brasil, a divulgação junto às mulheres hoje é de extrema importância porque a incidência da doença aumentou muito no público feminino. Nos anos 80, a relação era de uma mulher infectada para cada 18 homens, hoje a relação é de uma para um.

Mais informações do programa pelo site http://www.cabeleireiroscontraaids.com.br/v3/  

 

Nenhum Comentário Ainda

Deixar uma Resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.