Projeto de recuperação

A histórica Catedral Metropolitana de Campinas está diretamente ligada às origens da cidade de Campinas, que comemora 240 anos nesta segunda, dia 14 de julho, e, depois de 206 anos de sua criação (o edifício comemora 207 este ano), passa por um novo projeto de restauração, amparado pela Lei Federal de Incentivo à Cultura, do Ministério da Cultura.
A primeira etapa da reforma teve início em 2003 com a recuperação dos telhados e do forro da Nave. A segunda etapa começou em 2005, mas com a dificuldade de captação de recursos não foi possível sua continuidade. Em 2009, o projeto foi reformulado e reapresentado, o que permitiu a captação entre o ano passado e começo deste ano de R$ 2,8 milhões arrecadados. 
Agora, a Catedral passe pela segunda fase do processo de restauração, que é considerada uma das mais importantes etapas, pois envolve as restaurações da fachada frontal, laterais, posterior, seus elementos decorativos, torre, campanário, cúpula, forros do altar mor e capelas laterais, além da readequação da infraestrutura elétrica, hidráulica, comunicações e condutores de águas pluviais. No entanto, até o final de 2014, será necessário captar mais R$ 4,3 milhões para conseguir finalizar todas as obras previstas. Os interessados em fazer doações podem obter informações no site www.direcaocultura.com.br, ou pelo telefone (19) 3202-5405.
Nenhum Comentário Ainda

Deixar uma Resposta

error: Content is protected !!