Rio +20

Uma pesquisa realizada pela Fecomercio de São Paulo publicou o gasto dos brasileiros com cabeleireiro, segundo o estudo os consumidores chegam a gastar cerca de R$ 1,01 bilhão por mês em salões de beleza e as despesas mensais vêm crescendo a cada ano. Apenas em São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais somam R$ 536 milhões, equivalendo a 53% do que é consumido no segmento em todo o país.

Diante deste cenário um novo assunto é abordado por salões de beleza que se preocupam com o meio ambiente e aproveitam a semana do Rio+20 para abordar a questão, o uso desenfreado do papel alumínio e o volume inconsequente de produtos e materiais tóxicos. Segundo uma pesquisa da consultoria Menos Lixo, um salão gera por mês 800 litros de resíduos e São Paulo produz 15 toneladas de papel alumínio por mês, considerando uma mecha pior dia o que é uma média muito conservadora.

Como alternativa para este mal, algumas técnicas foram apresentadas como a italiana Roll Meches Colors, material que pode ser reutilizado até mil vezes para tintura e coloração. Cris Dios, proprietária de um salão de São Paulo, ressalta que, utilizando este método, em quatro anos o salão deixou de jogar mais de 1500 Kg de papel alumínio no lixo.

 

 

Nenhum Comentário Ainda

Deixar uma Resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.