Timber City em Washington D.C.

Em pleno século 21, com tantas inovações tecnológicas, imaginar um arranha-céus construído de madeira pode parecer absurdo, não é mesmo?
Mas acredite: a madeira é um dos materiais de construção mais robustos e versáteis do mundo. Possui um único ingrediente bruto que não exige energia intensiva para produzir: árvore.
E embora a ideia de incêndio venha sempre à cabeça quando pensamos nesse tipo de contrução, o futuro da matéria prima parece surpreendente.
Uma exposição no National Building Museum, em Washington D.C., nos desafia a deixar essa ideia para trás, mostrando que os produtos de madeira estrutural que entraram recentemente no mercado americano foram comprovados em testes para serem tão à prova de fogo quanto o aço, e possivelmente ainda mais seguros, já que seus núcleos são menos propensos a derreter em um incêndio.
A Timber City ocupa o segundo andar do museu e mostra vários projetos que desafiam a noção de que a madeira é um material de construção antiquado. As histórias destacam as inovações recentes da tecnologia, especialmente a madeira laminada cruzada, conhecida como CLT, e mostra como a fabricação de madeira pode ajudar a revitalizar as comunidades industriais rurais e beneficiar os centros urbanos americanos.
A exposição demonstra ainda, as muitas vantagens oferecidas pelos métodos de construção de madeira de ponta, incluindo sua força surpreendente, resistência ao fogo, sustentabilidade e beleza. Forte e versátil, a madeira é o único material de construção que pode reduzir as emissões de carbono e remover o carbono da atmosfera e nos mover para edifícios e cidades mais sustentáveis, saudáveis e bonitos.

Confira algumas fotos da exposição em nossa galeria.

 

Nenhum Comentário Ainda

Deixar uma Resposta