Trabalho exemplar

Please select a featured image for your post

Completando 56 anos em 2010, a Casa da Criança Paralítica de Campinas (CCP) desenvolve um trabalho diferenciado e modelo para a inclusão social de deficientes. A entidade atende mais de 230 crianças, desenvolvendo um trabalho que vai além do atendimento médico e terapêutico de crianças com deficiência física, com o amparo social, psicológico e jurídico para toda a família.

As áreas de atuação de seus profissionais e colaboradores englobam saúde, pedagogia e assistência social. Diariamente, uma equipe multiprofissional se dedica aos pais, mães e crianças que frequentam a CCP. Muitas mães, por exemplo, realizam trabalhos artesanais enquanto seus filhos estão sob os cuidados dos médicos da Casa. As crianças recebem cuidados na parte terapêutica, psicológica e pedagógica, além de atendimento médico e odontológico.

A instituição ajuda crianças carentes que precisam de um tratamento específico e longo devido a seus problemas de deficiência física. Todo serviço oferecido pela CCP é gratuito e a entidade vive de doações.

“Nos últimos meses, conseguimos ampliar o atendimento a mais crianças, mas também nos preocupamos muito com as famílias delas. Não basta oferecermos ajuda a somente um indivíduo, se em casa existem muitos problemas. Temos psicólogos que trabalham com os familiares também”, afirma Valdir José de Oliveira, presidente da Casa da Criança Paralítica de Campinas.

Para 2010, um dos principais projetos da entidade é a construção do novo refeitório, possibilitada pelo acordo firmado, no final de 2009, com a ONG holandesa Liliane Fonds, que disponibilizou a verba necessária para a obra. Outro projeto é a construção de Centro de Tratamento Hidroterápico, que auxiliará no tratamento de crianças carentes.

 

 

Nenhum Comentário Ainda

Deixar uma Resposta

error: Content is protected !!