Ultimo desfile

No último dia 22 de janeiro, aconteceu o último desfile de Alta Costura de Jean Paul Gaultier. O Enfant Terrible comemorou 50 anos de carreira em um show emocionante e épico no Théâtre du Châtelet em Paris.
Apresentando mais de 200 looks com roupas recicladas de seu arquivo, o show teatral incluiu uma mistura de supermodelos, novos rostos, dançarinos, estrelas de cinema e ícones da cultura pop. Entre o grupo icônico estavam Gigi e Bella Hadid, Karlie Kloss, Winnie Harlow e Irina Shayk.
Na ocasião, o estilista fez um pronunciamento explicando um pouco mais sobre suas escolhas para este momento tão especial para a moda.

"Cinquenta anos? Fala sério!
Para esta coleção final, que marca meus 50 anos na moda, eu queria ser fiel às minhas obsessões: jeans, espartilhos, camisas de marinheiro, androginia… Mas queria levá-las ainda mais e mais longe – finalmente, apenas me deixei levar! Celebre ontem, hoje e – especialmente – amanhã. Acredito que a moda deve mudar. Há tantas, tantas roupas deixadas de lado! Não jogue fora, recicle. Uma roupa bonita é algo vivo.
Quando era pequeno, minha mãe costumava me contar como consertava as calças gastas de meu pai e fazia saias com elas. Essa história me marcou. Você pode amar uma peça de roupa mais uma vez, se a transformar em algo novo! É o que faço desde o meu primeiro desfile, especialmente com jeans. Meus jeans! Aquele primeiro desfile, assim como o último, contou com jeans que eu mesmo usei. Jeans é o material mais bonito e, como certos seres humanos, só melhora à medida que envelhece.
Esta noite você testemunhará minha primeira coleção de alta-costura reciclada. Esvaziei todas as minhas gavetas, revisitei minhas coleções antigas, reuni materiais que encontrei em minhas viagens e nos mercados de pulgas: cortei o excesso e reutilizei as peças. Meus arquivos também – foram rasgados, misturados, torcidos e costurados… Um trabalho puro de artesanato e alta-costura. Adeus ao novo formidável, olá para o formidável… antigo? O que eu fazia no passado, quando não tinha recursos, agora faço com minha biblioteca pessoal de designs de alta-costura, para poder dar vida a novas criações.
É isso que eu realmente gosto de fazer: misturar tudo! Especialmente coisas que não deveriam andar juntas. Adoro misturar materiais, pessoas, classes sociais, gêneros – o tempo todo e me divertindo muito com isso! A beleza está em toda parte quando você sabe como olhar. Ela não é única, tem milhões de facetas. Estou sempre olhando, observando, onde quer que vá, não consigo evitar (é por isso que não dirijo, aliás). Tudo me inspira.
E assim vai ser, com novas aventuras pela frente. Acredite, o melhor ainda está por vir! Muito obrigado pelos primeiros 50 anos. E agora… divirta-se!"
Jean Paul Gaultier

Nenhum Comentário Ainda

Deixar uma Resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.