Vacinação conta H1N1

Please select a featured image for your post

Segundo boletim da Vigilância em Saúde da Secretaria Municipal de Saúde de Campinas, divulgado nesta quinta-feira, dia 17, já foram aplicadas 597.594 doses de vacina contra a gripe A H1N1 até a quarta, dia 16 de junho, na cidade.

Contudo, os profissionais da saúde se preocupam com o baixo índice de vacinação no grupo de crianças de dois a quatro anos e alertam para a importância da vacina. Além desta faixa etária, as gestantes também devem procurar as unidades de saúde para fazer a imunização da doença.

“Os dados são preocupantes uma vez que existe um grande número de gestantes e, principalmente, de crianças de dois a quatro anos, em Campinas, que ainda precisam ser imunizadas. O inverno está apenas começando e a vacina é a arma mais importante para enfrentar a nova gripe”, afirma a enfermeira Brigina Kemp, coordenadora da Vigilância em Saúde da Secretaria Municipal de Saúde de Campinas.

O boletim revela que da população de 42.181 crianças de dois a quatro anos, apenas 24.874, ou seja, 59%, tomaram a vacina em Campinas. No caso das gestantes, de um total de 14.301 mulheres, 10.256 (71,7%) já foram imunizadas. “Os pais devem ficar atentos e levar suas crianças o quanto antes para tomar a vacina no centro de saúde mais próximo de sua casa. É preciso ficar bem claro que a vacina é a forma mais importante de proteger as crianças contra a H1N1”, diz Brigina.

Em relação aos índices dentro dos grupos prioritários, a cobertura entre os profissionais de saúde atingiu 102%, entre as crianças menores de dois anos, 126,3%, entre os doentes crônicos, 221,28% e entre os adultos de 20 a 39 anos, 95,4%.

 

 

Nenhum Comentário Ainda

Deixar uma Resposta