Aprenda como controlar a ansiedade

A ansiedade é um estado pelo qual todos já passaram em algum momento da vida. Muito além de somente sentir aquele frio na barriga, a ansiedade, em níveis mais altos, pode causar sérios problemas. Situações de risco e momentos de incertezas, são os principais ativos desse estado.

A popularidade desse sentimento se dá, porque nós, humanos, tendemos a querer ter tudo sobre o nosso controle. Entretanto, não é bem assim. Em 2020 aprendemos que o futuro está fora do nosso controle e que, para vivermos bem, devemos nos adaptar às situações que surgem no decorrer da nossa vida. Mesmo que o nosso destino esteja nas nossas mãos, o futuro não está.

A ansiedade surge em diversos momentos da nossa vida. Antes de uma entrevista de emprego, esperando algum dia importante, aguardando uma resposta que pode mudar, ou não, a sua vida… estar ansioso pode derivar de vários motivos. Todavia, mesmo que comum, a ansiedade pode ser uma grande vilã no nosso cotidiano. Em níveis mais críticos, esse sentimento pode causar estresse, frequência cardíaca alta e até mesmo problemas respiratórios. Segundo a coach e hipnoterapeuta Madalena Feliciano, a ansiedade pode ter vários níveis. “Nos mais altos, o importante é buscar ajuda especializada”, explica.

Para os mais leves, que sofrem de sudorese, dores de cabeça leves e às vezes dores de estômago, algumas atitudes podem ser tomadas para que a ansiedade seja diminuída. Primeiramente, Madalena afirma que você deve reconhecer os seus momentos de ansiedade para que possa tratá-los. Saber quando e por quê você está apresentando os sintomas, pode ser a chave principal para entender esse estado.

Para evitar as crises, ou até mesmo enquanto elas ocorrem, é importante ser gentil consigo mesmo. Não se cobrar muito e entender que está em uma situação de incerteza, pode te ajudar a se acalmar nesses momentos. “Diariamente, é crucial compreendermos e aceitarmos o ciclo da vida. Por vezes, o motivo da ansiedade é o medo da perda de algum ente querido. Mas, entender que devemos aproveitar enquanto temos vida, é essencial para termos uma jornada mais leve que foca no agora”, afirma a hipnoterapeuta.

Aceitar que o controle de tudo não está nas nossas mãos e confiar que, no futuro, o presente se adaptará às novas situações, é um ato de fé que devemos ter. “A preocupação excessiva, o medo e a angústia, são sentimentos ruins que surgem apenas por não sabermos acreditar. Esses podem atrapalhar relacionamentos e dificultar o convívio. Por isso, é importante deixar para amanhã o que não se pode resolver hoje”, ensina a coach.

Para lidar com as crises, Madalena ainda dá uma dica que pode ajudar: “Quando estiver ansioso, anote todos os seus problemas que te preocupam. No dia seguinte, resolva-os. Você verá que a maioria tampouco é um real problema, e, para os que forem, com a cabeça mais fria e calma, a solução certamente virá”, orienta. “Dos 10 problemas que você acredita que tem, nove não são problemas e umvocê irá resolver, então relaxa!”, completa.

Se sentir inútil, como se estivesse indo para um caminho desconhecido e incerto é comum na ansiedade. Por isso, é importante, não só para ser menos ansioso, como também para ter uma vida melhor em todos os aspectos, ter definido o seu propósito de vida. Todos temos um objetivo que devemos cumprir aqui na Terra e não estar alinhado com o seu pode te prejudicar na vida profissional e pessoal.

Para finalizar, Madalena afirma que para ser uma pessoa mais tranquila, ter uma alimentação mais saudável, praticar exercícios físicos todos os dias e estar sempre com uma garrafa de água às mãos, pode ser de grande ajuda no controle da ansiedade.

Nenhum Comentário Ainda

Deixar uma Resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.